Roberto Rodrigues, Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento entre os anos 2003 e 2006, é engenheiro agrônomo e agricultor; coordenador do Centro de Agronegócio da FGV; Embaixador Especial da FAO para as Cooperativas e Presidente do LIDE Agronegócios. Foi Secretário de Agricultura do Estado de São Pauto (1993/1994) fala sobre a relação do associativismo no âmbito do Projeto Microbacias II – Acesso ao Mercado:

“Acho importantíssimo esse trabalho da CATI. Aliás, a CATI sempre foi um braço fundamental do associativismo em São Paulo. Na minha visão, o que diferencia um país desenvolvido de um não desenvolvido é o grau de organização de sua sociedade. Por isso. A constituição de associações é fundamental para que a sociedade se organize, de modo que esse trabalho da CATI tem um papel essencial na inserção do pequeno produtor no mercado.”