“Levar o que de melhor foi gerado nos campos experimentais e laboratórios dos institutos de pesquisa ao produtor rural é o trabalho realizado pela CATI há 50 anos. A CATI é fundamental para a transferência de tecnologias e de cultivares desenvolvidas pelos institutos de pesquisa ligados à APTA ao setor produtivo. As demandas e dificuldades enfrentadas por eles são também reportadas pela CATI aos nossos pesquisadores, que conseguem, a partir desta interação, propor novas soluções e desenvolver novas tecnologias. A parceria entre pesquisa e extensão com certeza é fundamental para o sucesso do agro paulista.” Orlando Melo de Castro, coordenador da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.